Change Pain Login/registro Selecionar País

O QUE É O CHANGE PAIN?

POR QUE QUEREMOS MUDAR O TRATAMENTO DA DOR?

A DOR É UM PROBLEMA

  • Estimativas de prevalência de dor crônica em nível mundial: 10% a 55% 1
  • 40% dos pacientes não estão satisfeitos com a manejo da dor 2
  • Estima-se que 10,1 a 55,2% das pessoas sofram com dor por mais de 3 meses 3

  • Dados da população brasileira: 1
  • Na população geral de São Paulo: 42% apresentavam dor crônica
  • Mais frequente em mulheres (47%) que em homens (30,5%)
  • Regiões mais frequentes: região lombar, pernas, cabeça, joelhos, ombros e pés
  • Duração aproximada da dor: em média 3 anos
  • Dias de incapacidade nos pacientes que sofrem de dor: 4 dias em média
  • Piora na Qualidade de Vida (83% menor em relação aos que não apresentam)

Referências

  1. Cabral, D.M. et al. Chronic pain prevalence and associated factors in a segment of the population of São Paulo City. J. Pain., 15(11):1081-1091, 2014.
  2. Breivik, H. et al. Survey of chronic pain in Europe: prevalence, impact on daily life, and treatment. Eur. J. Pain., 10(4):287-333, 2006.
  3. Harstall. IASP Pain: Clinical Updates. , XI (2):1-4, 2003.

QUEM SOMOS?

QUEREMOS MUDAR O TRATAMENTO DA DOR

Grunenthal:

  • • Desenvolvemos soluções para o tratamento da dor.
  • • Queremos melhorar a compreensão da dor.
  • • Queremos melhorar o tratamento da dor.
  • • Queremos promover o conhecimento mais profundo acerca da dor com mais opções de tratamento visando beneficiar milhões de pessoas que sofrem com dor em todo o mundo.

Nosso foco é a busca intensa de uma melhor forma de tratar a dor, de maneira mais eficaz com melhor controle dos efeitos colaterais.

Através de iniciativas inovadoras, procuramos entender melhor as necessidades dos pacientes que sofrem com a dor.

A Grünenthal é uma empresa global, independente, de propriedade familiar, especialista em pesquisa e desenvolvimento de produtos farmacêuticos, com sede em Aachen na Alemanha.

A Grünenthal está presente em 155 países, com 26 afiliadas e conta com a dedicação de 4.400 funcionários. Todos focados no cuidado, proximidade e bem-estar dos pacientes.

Para saber mais sobre a Grünenthal

   clique aqui

COMO ESTAMOS MUDANDO O TRATAMENTO DA DOR?

Na Grünenthal, queremos ir mais longe. Este é o motivo de termos criado, em 2009, uma iniciativa única chamada Change Pain.

CHANGE PAIN é um programa internacional que nasceu na Europa com o objetivo de conscientizar os profissionais de saúde sobre as necessidades médicas ainda não atendidas para o tratamento da DOR, e desenvolver soluções que melhorem a qualidade de vida dos pacientes.

Alguns dos objetivos do programa CHANGE PAIN são:

  • Facilitar a comunicação entre médico e paciente
  • Facilitar a obtenção de um diagnóstico correto da dor
  • Evitar o subtratamento da dor e que ela se torne crônica
  • Romper o Ciclo Vicioso da dor: buscar o equilíbrio entre eficácia e tolerabilidade dos tratamentos
  • Avaliar os mecanismos da dor para facilitar a abordagem terapêutica correta
Como estamos cambiando el dolor

CURSO ONLINE

A EDUCAÇÃO É A CHAVE PARA A MUDANÇA

Atualmente, os profissionais de saúde trabalham em ambientes que estão evoluindo constantemente, nos quais é essencial estar atualizado sobre as inovações mais recentes da medicina e, além disso, é necessário que mantenham e melhorem o conhecimento de forma contínua. O programa Change Pain propicia aos profissionais de saúde um programa educacional completo sobre a dor.

CURSO ONLINE EM DOR

DESCRIÇÃO DO CURSO

O curso foi desenvolvido pela Grünenthal em colaboração com diversos especialistas no manejo da dor e foi avaliado pela Federação Europeia de Associações Internacionais para o estudo da dor (EFIC) e recebeu aval na América Latina de diversas Sociedades Médicas de cada país. No Brasil, recebeu o endosso da Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor (SBED).

Os principais objetivos do curso são:

  • Facilitar a comunicação entre médico e paciente
  • Facilitar o diagnóstico correto e evitar que a dor se torne crônica
  • Buscar o equilíbrio entre tolerabilidade e confiabilidade e romper com o ciclo vicioso
  • Avaliar os mecanismos de dor para facilitar a abordagem terapêutica correta
  • Fornecer atualização constante sobre as diversas formas de dor
  • Aprender a utilizar corretamente os analgésicos opiodes

APOIO

A Grünenthal é o parceiro preferencial Contra a Dor, com foco integral. Para o manejo integral da dor, nos juntamos às principais instituições médicas e de pacientes em cada um dos países em que atuamos. É uma empresa focada no cuidado, proximidade e bem-estar dos pacientes.

COMITÊ DE ESPECIALISTAS

Video 1

VIDEO 1: O que é o Change Pain?

Dr. Alberto Flores Cantisani
Especialista em Dor, México

VIDEO 2: O que é o Change Pain?

Dr. John Jairo Hernández
Especialista em Dor e Cuidados Paliativos, Colômbia

O programa conta com o apoio de um grupo multidisciplinar de médicos especialistas na área de dor, com a finalidade de desenvolver e implementar na comunidade médica os compromissos estabelecidos.

SOBRE A DOR

INFORMAÇÃO GERAL

QUAL A DEFINIÇÃO DE DOR?

“A dor é uma experiência sensorial ou emocional desagradável associada a dano real ou potencial de um tecido, ou descrito em termos de suposto dano”1

A dor é causa mais frequente de consultas médicas e representa um problema grave para grande parte da população.

Nos EUA

15% a 20% da população sofre de dor aguda todos os anos
25% a 30% de todos os cidadãos dos EUA sofrem de dor crônica 2

Na Europa

Observou-se que a prevalência de dor crônica atinge 19% 3

Na maioria das especialidades, a dor é mais que um sintoma. Em muitos casos, a dor deve ser considerada doença capaz de influenciar o resultado do tratamento médico e/ou cirúrgico. 4

Referências

  1. Merskey, H,; Bogduk, N. Classification of chronic pain: descriptions of chronic pain syndromes and definitons of pain terms. 2nd ed. Seattle: IASP Press; 1994. Disponível em:Acesso em janeiro 2014
  2. Coda, B.A.; Bonica, J.J. General considerations of acute pain. In: Loeser, J.D. et al. Bonica´s Management of Pain. 3rd ed. Philadelphia, Pa: Lippincott Williams & Wilkins,2001.p.222-240.
  3. Breivik, H. et al. Survey of chronic pain in Europe: prevalence, impact on daily life, and treatment. Eur. J. Pain., 10:287-333, 2006.
  4. Gerbershagen, K. et al. Clin J Pain. 2009, 25(5):431-7.

CLASSIFICAÇÃO DA DOR

Inicialmente, é importante classificar a dor para individualizar o tratamento. Geralmente, a dor pode ser classificada de acordo com sua causa, com a patogênese, localização e duração; ainda que esta categorização distintiva não contemple a natureza multifacetada da dor crônica.

CLASSIFICAÇÃO DE ACORDO COM:

Para saber mais SOBRE DOR

clique aqui

RECURSOS

Em Breve..

PUBLICAÇÕES

NOVIDADES

AGUARDE!

CONTATO

Solicitação de ajuda e suporte:
Preencha o formulário a seguir. Nossa área de suporte atenderá sua solicitação o mais breve possível e entrará em contato através do e-mail registrado.

*Campos obrigatórios

* *Nome completo:
* *País:
* *E-mail:
* *Telefone:
* *Escreva aqui sua solicitação:
Nunca envie sua senha no formulário.